quarta-feira, 26 de outubro de 2011

As vezes eu falo sério...



Por eu ser meio bobona e brincalhona demais, as vezes eu digo as coisas que acabam passando por brincadeira mas não é! Só vou te explicar uma coisa. Não bastaria VIVER se não fosse com você. Como seriam os meus dias sem ouvir sua voz? E depois, eu não ficaria prestando mais atenção na sua sobrancelha pra ver como ela se meche enquanto você fala… você sério me contando alguma coisa, mechendo no cabelo e olhando pro nada enquanto eu nem sequer sei do que você está falando. Depois eu poderia beijar alguém, mas não seria o seu beijo, e então o que é um beijo que não seja o seu? Realmente não sei. Nós construimos nossos beijos, não me lembro de como eram os outros e não quero nem saber como seria se a gente não se beijasse mais. E o abraço? Alguém ia saber me abraçar tão forte como você? Não. É claro que não! E mesmo quando o abraço não fosse necessariamente para me quebrar toda, seria aquele pela cintura onde nos seus braços, só nos SEUS braços eu me sinto completa e segura… Qualquer outro abraço seria apenas mais UM ABRAÇO. Quem me imitaria com uma voz chata que me irrita? Quem me chamaria de fofa a cada palavra que eu dissesse? Quem ia compartilhar comigo as maiores loucuras na maior cara de pau? Quem seria criança ao meu lado e zuaria com todo mundo nem aí pras consequencias? QUEM? Meu bem, não tem jeito! É você e ponto final. Sem mais, nem menos, apenas a  ’eternidade’ se for possivel e se for oi que Deus deseja… Eu te amo cara, isso é sério, eu não estou brincando.
Letícia Nunes
O que achou?

0 comentários:

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management